Gothic Ocultismo Literatura Música Guestbook Parcerias Contato



Franz Kafka nasceu no dia 3 de julho de 1883, em Praga (atual República Tcheca), cidade que na época pertencia à monarquia austro-húngara. Cresceu nas influências de três culturas distintas: tcheca, alemã e judaica. Filho de uma família judia, Kafka foi oprimido em sua infância e adolescência pelo seu pai, fazendeiro abastado que se interessava apenas no sucesso material.

Estudou Direito na Universidade de Praga entre 1901 e 1906, onde conheceu Max Brod, grande amigo (seu futuro biógrafo). Começou a freqüentar os círculos literários de sua cidade, onde as opiniões críticas se identificavam muito com as de Kafka. Teve uma influência muito grande de autores como Heinrich von Kleist, Flaubert, Pascal e Kierkgaard, além de todo o ambiente de Praga, na época uma cidade medieval gótica, com elementos eslavos, alemães e de barroco sombrio. Logo após sua formação, empregou-se como inspetor de acidentes de trabalho.

Sempre teve muito êxito nos cargos que trabalhara, mas se sentia frustrado por não conseguir dedicar mais tempo à literatura que adorava. Teve uma vida emocional conturbada com noivados e amores infelizes, mantendo durante toda sua vida a companhia da solidão.

Kafka se destacou pela sua narrativa que obedece à "necessidade de naturalizar", pela lucidez, o absurdo da situação descrita. Em suas obras, Kafka centraliza todas as coisas que tornam difícil viver em nossa época, onde as organizações e as estruturas em vez de atuarem em prol da pessoa humana, contra ela se colocam. E o faz de modo alegórico, imitando a linguagem onírica, como se tudo não passasse de um pesadelo, mas que é uma realidade, contendo, entretanto, um sentido simbólico, uma analogia com situações reais, absurdas, incompreensíveis, que por vezes se configuram no curso de nossa vida cotidiana.

Sua única obra publicada em vida foi A Metamorfose, onde o autor expõe sua resignação pela vida cotidiana com um toque de surrealismo. Escreveu inúmeros contos, mas nunca chegou a publicá-los, achando que a sociedade da época não aceitaria suas idéias de bom grado.

A partir de 1917, Kafka permaneceu muitos períodos em repouso por razão da tuberculose que lhe atacara vorazmente. Em 1922, largou definitivamente seu emprego e passou a viver em sanatórios e balneários. No dia 3 de junho de 1924, morre Franz Kafka em Kierling, perto de Viena.

Suas obras-primas foram publicadas após sua morte por seu amigo Max Brod, e repercutem até hoje na literatura mundial, são elas O Processo e O Castelo. As instruções do escritor eram claras: destruir toda a sua ficção impressa (exceto o livro Contemplação), seus artigos publicados em jornal e também seus manuscritos. Brod não atendeu a essas exigências e, graças ao seu empenho em preservar os escritos do amigo, hoje conhecemos uma das mais importantes realizações literárias do século XX.

Suas obras tiveram grande influência em movimentos artísticos como o surrealismo, o existencialismo e o "Teatro dos absurdos", e até hoje é considerado um dos grandes gênios da literatura universal.




Obras


Poseidon

Um Médico de Aldeia

Desmascaramento de um embusteiro

Diante da Lei

Um Fratrícidio